domingo, 10 de janeiro de 2010

Domingo…


“Quando chega Domingo,
Faço tenção de todas as coisas mais belas
Que um homem pode fazer na vida.”

(in Domingo – Manuel da Fonseca)


Repito o título do meu 3º texto neste espaço, de novo apresentando o início deste poema que tanto aprecio e recomendo, sempre avisando que estes versos enganam; o poema até pode ser visto como optimista mas pelo meio… como sempre digo, não leiam se não estiverem bem-dispostos!

Mesmo com este tempo, um bom domingo para todos,
FATifer



PS- Depois de escrever o texto acima decidi sair de casa. Tinha umas voltas para dar e fui de moto, como sempre. Acho que não foi só na região de Lisboa mas pelo menos por aqui não estava o melhor dos dias para andar de moto (chuva, vento, frio, etc) mas já estou habituado. A meio das minhas voltas estando perto de um posto do Jumbo e porque até precisava, lá fui pôr gasolina. Como sabem todos os que já foram a um posto destes, raras são as vezes em que não há bicha (ou fila para quem preferir) e hoje não era excepção. Lá fiquei à espera da minha vez. A certa altura o condutor do carro da frente que já devia ter comentado algo sobre mim dentro do carro pois o ocupante do banco de trás já se tinha virado para olhar para mim, saiu do carro e disse-me:

“Epá estás aí à chuva, porque é que não passas e metes-te lá à frente?”

Claro que respondi que não fazia mal e que iria esperar a minha vez como qualquer um, ao que ele ainda respondeu que poderia passar à frente dele e voltou para o carro porque afinal estava a chover!

Tinha de partilhar esta! :)

11 comentários:

  1. Não comentando propriamente o texto... eu sempre gostei muito do Manuel da Fonseca. Nunca esqueci o dia em que o conheci (sendo já um Senhor de idade muito respeitável), eu com "O Fogo e as Cinzas" na mão, numa sessão de autógrafos na escola em que andava, tinha 15 anos. Ele perguntou-me que idade tinha e quando respondi ele piscou-me o olho e respondeu num sorriso malandro "ai se eu tivesse uns 15 ou 16...", fiquei mais vermelha do que um tomate, ainda por cima estava ao lado dele e olhou para mim com um ar divertido o professor de filosofia, que era o maior borracho e por quem metade das alunas do liceu estavam apaixonadas! Ía morrendo de embaraço! :):):) Guardo esse livro autografado com grande carinho.

    Bom Domingo para ti! E se uma mulher te conseguir embaraçar, será melhor ainda! ;)

    ResponderEliminar
  2. Cara deusa Pax,

    Já me tinhas contado esse episódio mas não deixei de sorrir ao ler ;)

    O Domingo não foi mau de todo mas nenhuma mulher me embaraçou (como era bom…)

    Quando li esta tua “provocação” lembrei-me de uma frase de Pedro Paixão que li algures:

    “O motivo maior pelo qual uma mulher se apaixona por um homem é porque este possui o dom de a fazer rir”

    Não é a primeira pessoa que ouvi defender esta ideia (sendo que já houve mulheres que me disseram o mesmo)… pelo que, achando eu que até tenho essa capacidade (não iria tão longe e chamar-lhe “dom”), deve-me faltar a capacidade de me deixar embaraçar, será? ;)

    Beijinhos,
    FATifer

    ResponderEliminar
  3. Vani,

    Mas devias ler é um óptimo poema só não deves é esta mal disposta pois vais ficar a pensar em alguns versos como eu fiquei… ;)

    Beijinhos,
    FATifer

    ResponderEliminar
  4. (Já fui ler o poema.) Acho que a maioria das pessoas começa com boas intenções. O que faz a diferença é a forma como encaramos o que nos acontece no dia-a-dia. Ou talvez o Domingo esteja sob alguma influência religiosa... afinal de contas, Deus descansou ao 7º dia, talvez o pessoal pense que que nesse dia ele não esteja a ver...

    Bem, espero que tenhas conseguido fazer algumas das coisas mais belas que um homem pode fazer na vida. ;)

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  6. Rice Man,

    (fizeste bem em ler o poema, espero que tenhas gostado como eu gosto)

    “O que faz a diferença é a forma como encaramos o que nos acontece no dia-a-dia”

    Muito bem observado, como sempre. (quanto à influência religiosa não me vou pronunciar senão teria de te dar razão no que dizes que o pessoal pensa).

    Se queres que te diga acabei por fazer sim uma das coisas que a maioria das mulheres mais gosta de fazer na vida: fui às compras! ;)

    Um abraço e boa semana para ti,
    FATifer

    ResponderEliminar
  7. “O motivo maior pelo qual uma mulher se apaixona por um homem é porque este possui o dom de a fazer rir”

    Nem todos os homens e nem todas as mulheres são iguais mas que é um factor de peso, isso é! E imagino que com os homens possa acontecer o mesmo, que não seja só uma questão de tamanho de mamas! :)
    De qualquer modo, falando por mim, eu já descobri em homens factores ou características que me fazem um clic especial, sem ser essa capacidade de me fazerem rir.

    "(...) deve-me faltar a capacidade de me deixar embaraçar, será?"

    Ou a de deixares que seja uma mulher a fazer-te rir! ;)

    Comentário ao teu P.S: Cada vez que escreves algo em que metas a moto descubro sempre mais uma nova vantagem em andar de carro! ;)

    ResponderEliminar
  8. Cara deusa Pax,

    Sem dúvida que as generalizações são sempre perigosas e por isso de evitar mas como acabas por dizer é um factor a considerar. Aliás a própria frase que cito embora lhe atribua grande importância, não diz que seja o único motivo.

    Concordo com a questão das mamas que colocas, há homens que preferem outras partes da anatomia feminina (nomeadamente mais abaixo e do lado oposto às mamas). :P

    :)

    “Ou a de deixares que seja uma mulher a fazer-te rir! ;)”

    Eu até gosto que uma mulher me faça rir… mas é melhor levantar-me do divã senão fico sem dinheiro para a conta que me vais apresentar pelos teus serviços de psi ;)

    “Comentário ao teu P.S: Cada vez que escreves algo em que metas a moto descubro sempre mais uma nova vantagem em andar de carro! ;)”

    Pois acredito que sim, deve ser mesmo só devido a minha grande teimosia que insisto em preferir andar de moto… cada um tem as suas manias, esta é uma das minhas! (e só quem anda de moto me pode compreender :P)

    Beijinhos,
    FATifer

    ResponderEliminar
  9. FATifer,

    "há homens que preferem outras partes da anatomia feminina (nomeadamente mais abaixo e do lado oposto às mamas)"

    Ahahah, é o teu caso? ;)

    "é melhor levantar-me do divã senão fico sem dinheiro para a conta que me vais apresentar pelos teus serviços de psi"

    Para os Amigos é sempre de borla :)

    "e só quem anda de moto me pode compreender"

    Eu também consigo compreender! Consigo compreender principalmente quem anda de moto entre Maio e Setembro! ;)

    Beijos :)

    ResponderEliminar
  10. Cara deusa Pax,

    Não, não é o meu caso (sei que parece um cliché mas) não gosto de me focar só num aspecto, gosto de avaliar o todo… (o “problema” é que, para usar uma palavra muito na moda, acabo talvez por esmiuçar, analisando demasiados pormenores…)

    Ainda bem que sou teu amigo então! :)

    “Consigo compreender principalmente quem anda de moto entre Maio e Setembro! ;)”

    Eu também compreendo essas pessoas mas (não querendo ofender mas podendo fazê-lo) esses são os “fracos” ou comodistas que apenas gostam de mostrar moto e dar umas voltinhas :P

    Beijinhos,
    FATifer

    ResponderEliminar

Este local serve para largar comentários, daqueles, dos inteligentes e com sentido...todos os outros, que consideremos que não cumprem esses critérios, serão eliminados prontamente. Mais...anónimos amigos por favor identifiquem-se, já basta não conhecermos a cara...pelo menos o nome/nick.
Desde já o nosso agradecimento, voltem sempre!

Ah! E a pedido da nossa estimada leitora Van, passamos a avisar que a leitura deste blogue engorda!